A Bela e a Fera – Jesus e você



Olá pessoas 🙂
Lendo o livro Ele escolheu os cravos de Max Lucado, me deparei com uma comparação que nunca tinha pensado… a nossa historia com Jesus com o conto de fadas da Bela e a Fera.
Isso mesmo aquele conto tão lindinho… quer saber como??

reputable canadian pharmacies http://sildenafil50mgbuzz.accountant sildenafila citrato 50mg O que teria acontecido à Fera se a Bela não tivesse aparecido?
http://cervera.review cervera.review Você conhece a história. Houve um tempo em que seu rosto era bonito e seu palácio agradável. Mas isto foi antes da maldição, antes das trevas caírem sobre o castelo do príncipe. E, quando a escuridão tomou conta, ele sucumbiu. Recluso em seu castelo rebelde, com um focinho reluzente e grandes caninos.
website Porém tudo mudou quando a mocinha chegou. Fico pensando, o que teria acontecido à Fera caso a Bela não tivesse aparecido?
calis Melhor ainda, o que teria acontecido caso ela não tivesse se importado? Quem a teria culpado? Ele era tão… digamos, animalesco! Pelos longos. Babão. Frustrado. E ela era tão bela. Estonteante. Uma bondade contagiante. Se duas pessoas se encaixassem exatamente nesta descrição, não seriam elas exatamente a Bela e a Fera? Quem a teria culpado caso ela não tivesse se importado? Mas ela se importou.
vendita on line cialis originale E, porque a Bela amou a Fera, a Fera tornou-se linda.
viagra or cialis yahoo answers A história é familiar, não apenas por tratar-se de um conto de fadas. É familiar porque nos faz lembrar de nós mesmos. Há uma fera dentro de cada um de nós.
over the counter viagra cvs Mas não foi sempre assim. Houve um tempo em que a face da humanidade era bela e o palácio agradável. Mas isto foi antes da maldição, antes das trevas caírem sobre o jardim de Adão. E, desde a maldição, temos sido diferentes. Animalescos. Feios. Rebeldes. Ferozes. Fazemos coisas que sabemos que não deveríamos ter feito e ficamos pensando por que as fizemos.

“Porque o que faço não o aprovo, pois o que quero, isso não faço; mas o que aborreço, isso faço”  (Rm 7.15)

Existe algo ruim – animalesco – dentro de cada um de nós. “Éramos por natureza filhos da ira” (Ef 2.3). Não é que não possamos fazer o bem. Podemos. O fato é que não conseguimos evitar fazer o mal. Em termos teológicos, somos “totalmente depravados”. Embora feitos à imagem e semelhança de Deus, temos caído. Somos corruptos ao máximo. O âmago de nosso ser é egoísta e perverso.
generic cialis tadalafil 20mg india Mas a correlação com A Bela e a Fera termina. Na fábula, a bela beija a fera. Na bíblia, a Bela faz muito mais. Ela se torna fera para que a fera possa transformar-se em bela. Jesus muda de lugar conosco. Nós, assim como Adão, estávamos sob a maldição, mas “Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós” (Gl 3.13).
E se a Bela não tivesse vindo? E se ela não tivesse se importado?
do viagra make you last longer in bed Então teríamos continuado como feras. Mas a Bela veio, e ela se importou.
over counter natural viagra substitutes buying viagra AquEle que é sem pecado tomou forma de pecador para que nós, pecadores, pudéssemos nos tornar santos.
Nós eramos feras mas com a graça de Deus, com o sacrifício de Jesus Cristo podemos nos tornar “belas”
Aleluia o/

Se tiver a oportunidade leia esse livro (Ele escolheu os cravos – Max Lucado) é muito edificante *-*

http://onlinetousacanadablab.accountant shop Quanto você é grato pelo sacrifício de Jesus? Deixe seu comentário.
Fiquem com o Pai, Filho e Espirito Santo ♥

.

Você Quer Ler e Entender a Bíblia e ficar mais próximo de Deus?

Insira o seu melhor email abaixo e receba GRÁTIS um livro digital com dicas que vão te ensinar hoje, tudo passo-a-passo!

1 Comentário


  1. Não sei o que dizer ao Senhor,porque Ele é extremamente bom e eu não me sinto tão grata a tanto amor,sinto-me sempre em falta com Ele,como se faltasse mais a fazer e ainda não fiz. Preciso fazer aquilo que sinto que ainda não fiz.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *